fbpx

Neste artigo vamos aprender como a alimentação influencia no surgimento de acnes e quais alimentos que causam espinhas. Fique ligado!

Mas antes, precisamos entender alguns pontos importantes…

As acnes, conhecidas também como espinhas, é uma dermatose crônica, que podem ter diversas causas.

Sua  patogênese é multifatorial e os principais fatores são:

  • a hiperqueratinização folicular, 
  • aumento  da  formação  de  sebo  pelas  glândulas  sebáceas, 
  • participação  de fatores endócrinos,
  • colonização  bacteriana  do  folículo  e 
  • liberação  de  mediadores  inflamatórios  no  folículo.

Apesar de não ter uma comprovação certa, a acne (espinhas) é constantemente relacionada com a obesidade.

Um grande estudo mostrou que indivíduos de 20 a 40 anos, a acne possa estar relacionada com fatores como a obesidade e a resistência insulínica.

É importante afirmar o que pode afetar o quadro da acne não é o quanto se come, e sim o que se come. Pensando nisso, vamos listar logo abaixo alguns alimentos que causam espinhas.

A carga glicêmica (CG) da dieta tem sido apontada como um fator importante para o aparecimento e tratamento das acnes, tendo em vista que a hiperinsulinemia aguda, que é causada por alimentos com alta carga glicêmica, podem causar o desenvolvimento da dermatose.

Segundo a Sociedade Brasileira de Diabetes, o indice glicêmico (IG) é a qualidade de uma quantidade de carboidratos em um determinado alimento.

Já a carga glicêmica (CG) é um conceito matemático derivado do IG e da quantidade de carboidratos nos alimentos.

A equação utilizada para determinar a CG de um alimento é: 

IG  do  alimento  X (vezes)  medida  em g de carboidratos  presentes  na  porção  de  alimento  consumida (dividido) / por 100g. 

A CG inferior a 10 é considerada baixa, enquanto que acima de 20  considerasse alta.

As dietas com baixa carga glicêmica possuem efeitos benéficos em diversas doenças metabólicas, pois promove menor pico hiperglicêmico pós prandial e consequentemente, estimulam menos a secreção de insulina.

alimentos que causam espinhas

O que causa espinha?

Quais alimentos que causam espinhas? Tais como doces, tortas, bolos e industrializados contribuem com o aparecimento de acnes, flacidez e rugas na pele.

O alto consumo de carboidratos também pode influenciar no aparecimento das espinhas. Isso ocorre devido ao aumento da insulina no organismo, o que deixa a pele mais sensível à ação dos androgênicos (hormônios masculinos).

Leite da espinha?

Mesmo não tendo uma carga glicêmica alta, leites e derivados consumidos em excesso também podem causar o aparecimento de espinhas, isso ocorre, pois contém hormônios em sua composição que contribuem para o aumento da produção de sebo nas glândulas da pele.

Leia Mais: Intolerancia a Lactose

Essa patogênese é uma lesão que tem um processo inflamatório envolvido, por isso podemos citar como exemplo de alimentos pró-inflamatórios que estimula o aparecimento da acne, os produtos industrializados, embutidos, leites e derivados, frituras, trigo branco entre outros  alimentos.

Um estudo realizado com adolescentes mostrou que o consumo de leite desnatado e com baixo teor de gordura leva a um aumento das espinhas. [1]

No entanto, a relação entre leite e acne ainda não está clara. Se você notar acne após o consumo de leite, é melhor evitar laticínios.

Talvez te interesse: Alergia ou Intolerancia Alimentar?

Chocolate causa espinhas?

Quais alimentos que causam espinhas? Um dos alimentos que mais se falam que pode causar espinhas é o chocolate.

Porém, não há nenhuma evidencia cientifica confiável de que o chocolate tenha esse impacto na pele. Ademais, o chocolate amargo, aquele que tem mais cacau, é rico em antioxidantes que podem ter inúmeros benefícios para a pele.

Vejamos outros alimentos que causam espinhas.

Antes de entrar na lista, você deve entender que os alimentos não são os responsáveis diretos pela acne.

Somente se você tiver tendência a acne e pele excessivamente oleosa, ou problemas de saúde intestinal e falta de uma rotina de limpeza adequada, os alimentos a seguir podem causar uma reação. [2]

Açucar

Os açúcares, que consumimos como açúcar branco refinado e em outras formas, como refrigerantes, sucos, mel, etc., são ricos em carboidratos refinados.

Estes são alguns alimentos que causam espinhas por serem absorvidos rapidamente pela corrente sanguínea, elevando seus níveis de açúcar [3].

O aumento dos níveis de insulina também empurra o excesso de açúcar para as células, o que, por sua vez, causa acne / espinha.

Fast foods

Quais alimentos que causam espinhas? Os adolescentes que consomem grandes quantidades de fast food, como hambúrgueres e batatas fritas, são conhecidos por terem acne.

No entanto, a ligação entre o fast food e o ingrediente, o que realmente causa a acne, ainda é desconhecida.

Talvez pelo fato de frituras e gorduras utilizadas, como vimos anteriormente. O que nos leva ao próximo item…

Alimentos gordurosos

Alimentos fritos ou itens como bacon e hambúrgueres que têm muita gordura também têm gordura extra na carne e são alguns alimentos que causam espinhas.

O excesso de óleo e gordura pode levar ao aparecimento de acnes.

Whey Protein

O whey protein é fonte rica em proteínas e aminoácidos como a leucina.

Seu consumo faz com que as células da pele cresçam e se multipliquem mais rapidamente, além de elevar os níveis de insulina, o que também pode ser a causa de acne.

Esta é uma reclamação recorrente das minhas pacientes”, diz Bruno Rodrigo, fundador da BR da Nutrição.

Recomenda-se que como parte do tratamento contra acnes é que se evite o consumo excessivo de carboidratos de alto índice glicêmico, produtos industrializados ricos em açúcar, leites e derivados.

O que é bom para pele? Alimentos que evitam espinhas

Da mesma forma que a alimentação pode influenciar no aparecimento de acnes e cravos, ela também pode auxiliar no tratamento dessas, além de deixarem a pele mais viscosa e bonita.

Alimentos com índice glicêmico mais baixo, como carboidratos complexos podem minimizar o aparecimento de acne. Alguns deles são:

Peixes, como salmão e atum, que são ricos em ômega 3 e possuem minerais, podem trazer benefícios para a pele.

As frutas e verduras de cor amarela, também são recomendadas, devido ao componente chamado betacaroteno, que é uma substancia que combate os processos inflamatórios.

Além disso, o consumo de água adequado é essencial para a hidratação da pele.

nutricionista gabriela vasques

Nutricionista Gabriela Vasques IG @nutri_gabyvasquesContato & Agendamentos: (11) 97431-2466

Participação e revisão: Bruno Rodrigo

Referencias:

AZULAY, Vitória. Influência da dieta nas doenças cutâneas. Med Cutan Iber Lat Am, Brasil, v. 47, n. 2, p. 103-108, 2019.

COSTA, Adilson. Acne e dieta: verdade ou mito? An. Bras. Dermato, Campinas, v. 5, n. 85, p. 346-353, jun. 2010.

COMIN, Alessandra Furlan et al. Relação entre carga glicêmica da dieta e acne. Scientia Medica, Porto Alegre, v. 21, n. 1, p. 37-43, 2011.

MOTA, Emily Mirela Machado. A INFLUÊNCIA DA NUTRIÇÃO NO TRATAMENTO DA ACNE VULGAR NA ADOLESCÊNCIA. 2021. 42 f. TCC (Graduação) – Curso de Nutrição, Faculdade Regional da Bahia- Unirb, Barreiras – Sa, 2021.

Sobre o Autor

Nutri Gabriela Vasques
Nutri Gabriela Vasques

CRN-3 53245 Especialista em Nutrição Clinica, São Paulo - SP Agendamentos: (11) 97431-2466

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Solicitar exportação de dados

Utilize este formulário para solicitar uma cópia dos seus dados neste site.

Solicitar remoção de dados

Utilize este formulário para solicitar a remoção dos seus dados neste site.